O milharal

Olhei pela janela do meu quarto naquela casa suja e velha, e vi um homem sentado em uma pedra, olhando consentrado para o milharal.
Pensei um pouco, logo depois fui até lá conversar com o homem, ele me olhou com triste e tentou falar alguma coisa, mas daquela boca ressecada só saia barulho de unha em ferro.


- Senhor o que houve?
- ...
- Tem alguma coisa na sua garganta.


O barulho parou, o homem se levantou e abriu a boca, um inseto grande com um enorme e eviedente ferrão na fina calda.


- Tem que sair daqui, esse inseto é perigoso, primeiro ele ferroa voce, depois entra em sua garganta e deixa um ovo lá, depois saí e logo depois vem o filho, temos que sair daqui antes que piquem voce tambem.
- Mas...minha casa.
- Tem um hotel quase de graça na cidade aqui perto, VAMOS ELE ESTA VOLTANDO.


O inseto vinha acompanhado de mais 2 e iam num vôo rasante em minha direção.


- Não dá pra esperar, corre.


Corremos até não aguentar mais, os insetos continuavam vindo em nossa direção.Nós corriamos devagar, o maximo que podia, até que vi uma pedra pontiaguda e grande na minha frente, peguei e joguei no inseto do meio. Errei por pouco, mas a pedra acertou o inseto que vinha atras. Os outros dois pararam e voltaram para onde estava o inseto morto.


- Parabens otario, agora deixou eles mais nervosos.
- É ISSO.


Nós nos escondemos em um porão de uma casa perto dali, o alçapão estava aberto, nós o fechamos.


- O que esta fazendo?
- Temos que deixar eles calmos, só assim vamos conseguir que eles deixem a gente vivo.
- Isso é loucura.Ma spode dar certo.


10 dias depois nós saimos dali, o milharal estava queimado e ainda tinha fumaça saindo de lá, olhamos para a direção da cidade e vimos varios corpos mortos espalhados pelo grande campo verde, muita fumaça saia da cidade e os poucos que sobraram vivos corriam para nossa direção sendo perseguidos por centenas de insetos.
Um deles pousou em minha cabeça e colocou a cauda na minha garganta, senti algo redondo e pegajoso caindo.
Não se pode maltratar alguma coisa, essa coisa nunca esqueçe.

3 comentários:

  1. Eu li, achei interessante, mas posso dizer os pontos negativos?
    A letra pequena demais e o contraste de cores juntos, atrapalham a leitura..
    E os erros de português também não agradam muito.
    'consentrado' não existe...

    ResponderExcluir
  2. kara, suas idéias são muito boas! Sugiro que munde a fonte de seus textos pois estão quase ilegíveis. Deixo abaixo um convite pra vc, leia-o, pois é de seu interesse.

    Convite a todos os administradores de blogs cujo seu conteúdo relacione-se com RPG, TERROR e/ou SUSPENSE! Seu blog agora pode ser DIVULGADO em fóruns, comunidades do Orkut e na blogosfera em geral GRATUITAMENTE.

    Basta você acessar o portal da BLOGOSFERA PARANORMAL e seguir o passo-à-passo que lá está indicado para tornar-se um FILIADO da B.P. e ser divulgado por nós!

    www.blogosfera-paranormal.blogspot.com

    P.S.: PEDIMOS DESCULPAS AOS FUTUROS FILIADOS CASO O LAYOT DA PÁGINA NÃO AGRADE OU O SELO PROVISÓRIA (QUE ESTÁ REALMENTE UMA MERDA!), POIS AINDA ESTAMOS NO INÍCIO. CRESÇA CONOSCO!


    ENTRAR COMO SEGUIDOR DO MEU BLOG DE RPG LÁ:
    www.blogtaberna.blogspot.com

    DESDE JÁ EU AGRADEÇO. SUCESSO!

    ResponderExcluir

Leitores